Psicologia Clínica

A Psicologia Clínica contribui para o tratamento das perturbações mentais, ajudando o indivíduo a adquirir maior capacidade de análise e compreensão dos seus sentimentos e comportamentos, assim como, capacidade para agir e reagir aos seus problemas na vida quotidiana.

A prática clínica é metodicamente elaborada pelos seguintes passos:

  • 1ª Consulta - Esta etapa é crucial para a criação de empatia entre o psicólogo e o paciente para o processo se tornar eficaz. É na primeira consulta que o contrato e os limites de confidencialidade são estabelecidos e as expectativas são delineadas, após a exposição do problema.
  • Avaliação - É mediante a queixa do paciente que se direciona para que tipo de avaliação se deve realizar. As avaliações psicológicas podem ser cognitivas, emocionais, neurocognitivas, de orientação vocacional ou de prontidão escolar. Da avaliação resulta um relatório que permite uma melhor elaboração do diagnóstico e futura intervenção terapêutica.
  • Psicoterapia - Mediante todo o processo anterior é proposto ao paciente fazer uma terapia adequada a cada situação. Em crianças trabalha-se em ludoterapia, no adulto numa psicoterapia individual, de casal ou familiar.

 

O campo de atuação da Psicologia Clínica é muito vasto e diversificado, englobando:

  • Estados de ansiedade;
  • Depressão;
  • Luto;
  • Dificuldades cognitivas;
  • Compulsões e/ou obcessões;
  • Autismo;
  • Défice de atenção e/ou hiperatividade;
  • Falta de confiança;
  • Fobias;
  • Baixa auto-estima e/ou auto-imagem;
  • Dificuldades nos relacionamentos;
  • Disfunções sexuais;
  • Dependência de álcool e/ou drogas;
  • Disturbios alimentares;
  • Mal-estar geral, etc.

Contactos

Saber da Mente 938455669 geral@saberdamente.pt